Saint Seiya Ômega ou Cavaleiros do Zodíaco Ômega, se preferir.

Opa pessoal, mais um texto da coluna para vocês.

Hoje venho trazer a minha opinião e algumas informações sobre um Anime que estreou semana passada e já era cercado de polêmica desde o seu anuncio: Saint Seiya Ômega.

É isso mesmo! Uma nova série de Cavaleiros do Zodíaco está sendo transmitida no oriente e muitas coisas mudaram. Como é um anime novo ainda, a minha opinião irá se basear somente acerca do primeiro capítulo e imagens já liberadas da série.

 Morrrrra Seiya… Oh wait!

A historia de Ômega passa-se após a série clássica, ou seja, seria uma continuação embora não se saiba se é cronológica ou não, e trás de volta as lutas para o santuário quando Saori é atacada por um inimigo novo e misterioso. Seiya aparece (de lencinho e com a armadura de ouro de sagitário) e com um Me dê a sua força pegasus Meteoro de Pegasus consegue proteger Saori (que estava com um bebê no colo) da investida do tal vilão.

A história salta para treze anos depois, onde nos deparamos com o treinamento de um novo cavaleiro, tendo como tutora a  Shina de Cobra (e todos pensam naquela piada clássica sobre a amazona); o garoto chama-se Kouga e foi o bebê que estava com Saori anteriormente. Ele é muito mal educado, irritante e vem com aquela história de “vocês não podem decidir o meu destino” e tudo o mais, mas quando Saori é atacada pelo vilão (returns!) novamente, o garoto luta para protegê-la, despertando e utilizando a armadura de Pegasus. Contando também com a ajuda do próprio Seiya aparecendo em espírito (I see death people).

Com tudo mudando, os cavaleiros serão outros e a jornada vai ser completamente diferente.

 

 

Polêmicas do Zodíaco

 Logo nas primeiras imagens liberadas de Ômega já era possível notar mudanças significativas em relação ao original: entre elas estão o traço dos personagens e o desenho das armaduras.

O traço era considerado por muitos como infantil demais, infinitamente diferente do original e alguns até disseram que era uma ofensa ao falecido Shingo Araki.

Bem, é certo que para nós, fãs de longa data, o traço causa certa estranheza. Mas deveríamos lembrar (ou saber) que a equipe de produção anunciou o novo anime como uma introdução da série para uma nova geração. Ou seja, como em toda adaptação, e atualização, as coisas tendem a mudar; algumas trazem mudanças menos significativas, outras mais significativas; o quesito do traço dos personagens não afetou tanto assim para mim, pois vi como sendo apenas um visual diferente para um anime diferente da época.

A mudança se torna mais significativa no desenho das armaduras, o traço que tanto nos chamou a atenção de tempos anteriores, aqui deve ser esquecido. Obviamente não há mudanças gigantescas no formato geral das armaduras, mas os detalhes de outrora não se encontram mais ali. É uma repaginada um tanto quanto simplista e, por que não dizer, clara das mesmas. Por mais que eu encare isso de uma forma positiva, é um fator que me incomodou bastante. Ah, e esqueçam também aquelas pesadas urnas onde as armaduras eram levadas, agora a vestimenta é invocada de um colar que eles carregam. É cedo para falar se todas serão assim, mas a de Pegasus foi, e pela abertura, a dos personagens principais também serão. Acho que é por isso que eles parecem mais fraquinhos fisicamente, porque levar aquela urna pra cima e para baixo já deveria deixar os cavaleiros malhados.

A trilha sonora está muito boa e parecem ser apenas versões novas das músicas que compunham a trilha sonora da versão original. A música de abertura é uma atração à parte, a nova versão de Pegasus Fantasy é muito boa mesmo e as cenas te levam de volta à sua infância. Sério, ela é tão boa que eu vi cinco vezes antes de avançar no episódio.

É muito cedo para falar da animação em si, mas pelo primeiro capítulo eu diria que o novo estilo faz com que as batalhas fiquem mais belas e o ritmo mais rápido. É velocidade do som, mano. Embora já apareçam alguns errinhos de continuísmo durante o episódio.

Meteoros de Pegasus!!!! (De novo)

A nostalgia toma conta de mim ao rever o primeiro episódio de Ômega e eu acho que é isso que todos os antigos fãs deveriam esperar ao ver essa série. Deixem um pouco a mania de comparação de lado e divirtam-se! Se até o cavaleiro de Pegasus mudou, por que não aceitar outras mudanças para encarar o novo?

O ritmo é bom e para mim é bem melhor, mesmo que ainda esteja no primeiro episódio, do que o ridículo Next Dimension que é a continuação oficial feita por Kurumada.

A minha recomendação é para que vocês assistam sim, deem uma chance para a nova série dessa franquia que há anos nos diverte e empolga, pois mesmo com uma fórmula antiga podemos ter verdadeiras obras primas baseadas nela e Lost Canvas nos provou isso (eu não vou falar dele agora, pois vou reservar uma postagem futura só sobre esse fantástico Manga/Anime). Se é o caso de Ômega, é muito cedo para dizer. Então vamos deixar os preconceitos de lado e fazer elevar os cosmos nos nossos corações todos os domingos com Saint Seiya Ômega!

  

Bem, por hoje é só pessoal. Façam seus comentários logo abaixo para críticas, sugestões de temas e considerações pessoais. Qualquer coisa vocês me encontram no fabiano.kamui@gmail.com ou no twitter @fabianokamui.

Até a próxima!

VN:F [1.9.22_1171]
Rating: 10.0/10 (5 votes cast)
VN:F [1.9.22_1171]
Rating: +7 (from 7 votes)

Saint Seiya Ômega ou Cavaleiros do Zodíaco Ômega, se preferir., 10.0 out of 10 based on 5 ratings

Comente também por aqui:

comentário(s), com aplicativo do Facebook.

SHARE THIS POST

  • Facebook
  • Twitter
  • Google Buzz
  • Digg
Colaborador
Author: Colaborador View all posts by
  • Curti a minha infancia toda os cavaleiros! Claro que irei assistir esta repaginada. Abracos e parabens pelo site!!!!

    VA:F [1.9.22_1171]
    Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
    VA:F [1.9.22_1171]
    Rating: 0 (from 0 votes)
  • Thiagomiro

    Vou te falar que gostei desse novo traço das armaduras, deixaram elas mais bonitas.
    Eu não tinha a menor ideia de que existia essa repaginada, então, devido a minha infância ter sido com os cavaleiros, onde tive dezenas de bonequinhos, irei assistir.

    VA:F [1.9.22_1171]
    Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
    VA:F [1.9.22_1171]
    Rating: 0 (from 0 votes)
  • Caraca!! Como assim em espírito? O Seya está morto!!!!! Nessa hora uma voz ecoa: “Agora sim a coisa ficou séria”.
    Que bom que não deixaram de pensar em algo novo do CDZ para a nova geração. Parabéns pelo post, Fabiano.

    VA:F [1.9.22_1171]
    Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
    VA:F [1.9.22_1171]
    Rating: 0 (from 0 votes)
  • Thiagootako

    aiaia num fala de Lost plixx

    VA:F [1.9.22_1171]
    Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
    VA:F [1.9.22_1171]
    Rating: 0 (from 0 votes)
  • Thiagootako

    é muito atrevimento hum

    VA:F [1.9.22_1171]
    Rating: 0.0/5 (0 votes cast)
    VA:F [1.9.22_1171]
    Rating: 0 (from 0 votes)